Sábios nunca existiram

29/05/2017 12:12

"Essa atitude dos estoicos em face do tempo é curiosa e reveladora, obrigando-nos a considerá-la com cuidado; ela nõ deixa de ter relação, como veremos, com a estranheza ainda mais impressionante: os estoicos confessavam sem qualquer pudor que o sábio - cujo nome eles sempre evocam, que é objetivo de seus esforços e razão de ser de sua filosofia -, o sábio talvez jamais tenha existido, ou tenha existido muito raramente."

 

Paul Veyne, Sêneca e o estoicismo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!