Pegue, faça, recupere, refaça, restaure

10/09/2017 18:01

"Nossas cidades hoje são projetadas para um fluxo linear. Nutrientes biológicos (como comida e madeira) e técnicos (como metais e plásticos) entram de um lado são usados e descartados. Depois que os resíduos são triados para seleção de materiais recicláveis valiosos, como metais, papel e certos plásticos, eles fluem para fora pelo outro lado, levados a aterros sanitários ou incineradores. O processo é 'pegue, faça, descarte'. Mas, assim como projetamos certos produtos para serem desmontados ou reutilizados, podemos projetar cidades para funcionar num modo circular parecido: pegue, faça, recupere, refaça, restaure."

 

William McDonough em artigo Como as cidades poderiam nos salvar, publicado na revista Scientific American Brasil em agosto de 2017 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!