Origens da gramática

29/08/2018 16:01

"E Sírio Possenti, já citado, nos lembra que as primeiras gramáticas do Ocidente, as gregas, só forma elaboradas no século II a.C., mas que muito antes disso já existia na Grécia uma literatura ampla e diversificada, que exerce influência até hoje em toda a cultura ocidental. A Ilíada e a Odisséia já eram conhecidas no século VI a.C., Platão escreveu seus fascinantes Diálogos entre os séculos  V e IV, na mesma época do grande dramaturgo Ésquilo, verdadeiro criador da tragédia grega. Que gramática eles consultaram? Nenhuma. Como puderram escrever e falar tão bem sua língua? O que aconteceu ao longo do tempo foi uma inversão da realidade histórica. As gramáticas foram escritas precisamente para descrever e fixar como 'regras' e 'padrões' as manifestações linguisticas usadas espontâneamente pelos escritores considerados dignos de admiração, modelos a serem imitados. Ou seja, a gramática normativa é decorrência da língua, é subordinada a ela, dependente dela. Como a gramática também passou a ser um instrumento de poder e de controle socal, de exclusão cultural, surgiu essa concepção de que os falantes e  escritores da línhga é que precisam de gramática, como se ela fossse uma espécie de fonte mística invisível, da qual emana a língua 'bonita', 'correta' e 'pura'. 

 

Marcos Bagno, Preconceito Linguísitco - o que é, como se faz


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!