Morte térmica

08/06/2017 12:20

"Porém isso não é tudo. Os objetos exteriores à nossa galáxia terão desaparecido e também não haverá nada para ver na própria Via Láctea, dado que as estrelas terão completado seu ciclo de vida e esgotado o combustível com que criar novas estrelas. Por todos estes motivos, enayqnto o resto do universo se vai afastando de nós e esvaziando nosso céu, também os objetos mais próximos de nós se apagarão de forma progressiva. Inicialmente haverá a formação de novas estrelas a partir de material ejetado pela supernovas e dos restos de gás e poeira que ainda estejam disponíveis para os processos de formação estelar. Esta renovação será cada vez menos eficiente e uma quantidade crescente de materialficará capturada em estrelas estéreis, que não podem ser reutilizadas, e vão arrefecendo progressivamente. Assim chegaremos à morte térmica do Universo e qualquer observador que então pudesse existir ver-se -ia rodeado por um céu total e absolutamente negro."

 

Alberto Fernández Soto, Depois do Big Bang


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!