Mais baixo, mais baixo, sempre para baixo!

03/06/2018 14:20

"O mau resultado do PIB divulgado ontem (31/5/2018 - crescimento de 1,3% em 12 meses) confirma um crescimento da economia aquém do esperado e deve significar uma queda ainda mais lenta da elevada taxa de desemprego doméstica do que a da revisão do cenário mencionada acima. O crescimento do PIB e a evolução no mercado de trabalho serão revistos mais uma vez para baixo."

 

Artigo Economia mais fraca irá retardar recuperação de rendas e do emprego do jornalista Fernando de Holanda Brarbosa Filho, publicado no jornal Valor de 1/6/2018


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!