Fábrica global

23/06/2016 12:02

"Está em curso uma nova divisão internacional do trabalho e da produção, envolvendo a complementação ou superação dos procedimentos do fordismo, das linhas de montagem de produtos homogêneos. Ao lado do fordismo e stacknovismo, bem como dos ensinamentos do taylorismo e fayolismo, desenvolve-se o toyotismo, a organização do processo de trabalho e produção em termos de flexibilização, terceirização ou subcontratação, tudo isso amplamente agilizado pela automação, pela robotização; pela microeletrônica e pela informática. Assim se generaliza o capitalismo, transformando o mundo em algo que parece uma fábrica global."

 

Octavio Ianni, Teorias da globalização


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!