Espécies Sociais

09/01/2017 17:13

"A Sociedade não transforma o homem, conforme os meios em que se desdobra sua ação, em tantos homens diferentes quanto há variedades de zoologia? As diferenças entre um soldado, um operário, um administrador, um advogado, um desocupado, um sábio, um homem de Estado, um comerciante, um marinheiro, um poeta, um pobre, um padre são, embora mais difícieis de captar, tão consideráveis quanto as que distinguem o lobo, o leão, o asno, o corvo, o tubarão, o leão-marinho, a ovelha etc. Portanto existem e existirão em todos os tempos Espécies Sociais como há Espécies Sociológicas."

 

Honoré de Balzac no prefácio às Ilusões Perdidas citado por Glória Carneiro do Amaral na publicação "7 Clássicos Franceses"


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!