Crepúsculo de um ídolo

15/07/2017 02:50

"Ainda que se acredite na fabulação de que Lula foi condenado sem provas, não há como negar que o ex-presidente estabeleceu uma relação de extrema promiscuidade com empresário que admitem ter integrado esquemas bilionários de assalto aos cofres públicos. Se aplicássemos a régua moral que o PT utilizava nos anos 80 e 90, e que me parece adequada (nesse quesito o partido mudou mais do que eu), Lula teria de ser expulso sumariamente da legenda."

 

Hélio Schwartsman, jornalista, em artigo Crepúsculo de um ídolo, publicado no jornal Folha de São Paulo de 14/7/2017

Contato

CONSIDERAÇÕES OPORTUNAS rerzeit@hotmail.com